Versos de Rodeio

***Alguns versos que usamos nos Rodeios do Vida***



*A pinga vem da cana.
E a cana vem da roça.
Homem que tem duas Mulher.
Uma é dele e a outra é nossa.

*Sapateia mulher feia.
Esfrega a bunda na areia.
Que eu quero ver a coisa vermeia...

*Tem laranja grande, tem laranja miúda.
Tem homem que usa calça, tem homem que usa bermuda.
Tem mulher que fala muito, tem mulher que é muda.
Muitas delas não sabem, mais a maioria é chifruda.

*Eu nasci num ninho de cobra.
Minha mãe era serpente.
Eu bebi do leite dela.
Meu sangue ficou mais quente.
Jacaré mato no tapa.
Cascavel mato no dente.
Porque o sangue que corre na minha veia.
É o veneno do aguardente.

*Eu chego em casa eu entro pela porta da sala.
Depois eu saio pela porta da cozinha.
Dou um cheiro na mulher e um beijo na vizinha.

*O Morena faz uma vez comigo amor igual faz o gato.
Começa em cima do muro e termina debaixo do mato.

*No dia que casei foi um fuzuê danado
De um lado meu sogro, de outro meu cunhado
Na frente um sargento, atrás um soldado
Me levaram pro altar, com pulso algemado
Tinha um padre, um juiz e um delegado
Dessa vez acabei mesmo casado

*Lá em casa eu ultimamente ando meio azarado.
É um vaso que escorrega, é um prato que quebra.
De tudo eu sou meio culpado.
Depois se eu bato em minha mulher.
Apanho do meu cunhado...

*Do milho eu faço a pipoca.
E da palha eu faço o colchão.
A morena eu amo na palha.
E a loira eu amo no chão.

*Casa de pobre é ranchinho.
Casa de rico é de teia.
Se fazer amor fosse crime.
Minha casa era a cadeia...

*A semana tem 7 dias e eu tenho 14 namoradas.
7 são solteiras e 7 são casadas.
7 são pra de dia e 7 são pra de madrugada.

*Morena passei frente da sua casa.
E vi sua calcinha na janela.
Vendo ela sem você.
Fico imaginando você sem ela...

*Os cowboys gostam de festa e de muita folia.
Beber cerveja bem gelada é nossa mania.
Mas se só tiver cachaça bebemos com a mesma alegria.
Boi magro e mulher santa com a gente não se cria.
Porque nois gosta é de muito boi gordo e putaria.

*Da cana eu tiro o açucar.
Da mandioca eu tiro a farinha.
Da mulher que eu tirei a roupa.
Ontem era sua, hoje ela é minha.

*Pra fazer tudo que eu gosto.
Nunca tive lugar e nem horário.
Moro embaixo do meu chapéu,
Não carrego calendário.
Minha lingua é muito simples,
Não conheço dicionário.
No rodeio sou Mestre,
Mas na escola só fiz até o primário.

*O morena do cabelo de veludo.
Debaixo da tua sai tem um bicho cabeludo.
Se você marca comigo.
Eu como com cabelo e tudo !!!

*Papagaio come periquito
E o periquito come a lacraia
O bicho que o homem mais gosta
A mulher esconde debaixo da saia.

*No tempo que eu montava olha o que eu fazia.
Eu Bebia e fodia, meu dinheiro rendia.
Hoje eu não monto, acabou minha alegria.
Não bebo e não fodo e melasco todo dia.

*Meu sinto é de couro, meu chapéu americano.
Eu vivo do rodeio, minha vida é de cigano.
Gosto mesmo é da Morena,
Só fui pra cama com uma Loira por engano...

*Toda mulher tem sua qualidade .
A bonita serve pra namorar e beijar na boca.
A Feia pra espantar mosquito e mau olhado.
É por isso que só ando com duas mulher.
Uma tem que ser a minha e a outra do meu cunhado.

*A fazenda de meu sogro faz divisa com a minha.
Deu o presente de casamento que eu não tinha.
Com essa fazenda fiquei rico de repente.
Casei com a fazenda e ganhei a moça de presente.

*Já peguei touro no laço e de rodeio fui campeão.
Mulher é comigo mesmo, nunca fiz objeção.
Seja loira ou morena, pode vir que eu acho bão.
Sou neto de caipira mas filho de Ricardão.

*Mulher quando é vadia.
Não indireita nem depois de morta.
É igual a lenha de furquia.
Depois de queimada até a cinza é torta...

*Passei a mão na perna da véia.
Pensando que era a perna da fia.
Me desculpe minha senhora.
Mas perna de véia é cascuda.
E perna de moça é macia.

*Se um dia eu ganhasse na sena.
Acabava com o meu sofrimento.
Trocaria o meu cavalo e também o meu jumento.
Compraria uma cadeia e jogava minha sogra dentro.

*O que é do lobo, A onça não come.
Quem casa com mulher feia...
Não tem medo de outro home.
E quem casa com mulher bonita...
é perigoso levar chifre e passar fome.

*Eu sou paulista, deito tarde e acordo cedo.
Não como salgado, doce e nem azedo.
Se eu não puder comer, pelo menos meto o dedo..

*Da galinha eu tiro a pena.
Do peixe eu tiro a escama.
Da morena eu tiro a roupa e levo ela pra cama.

*Mulher para mim.
Não tem solteira e nem casada.
comigo é assim.
Começa de noite e termina de madrugada...

*O homem faz coisas que até Deus duvida.
Já faz muito tempo que eu estou nesta vida.
Rodeio, cachaça, muié, viola e briga.
Porta de boteco e casa de rapariga.
Garrafa destampada e muié de perna pra riba...

*Se tamanho fosse documento.
Eu seria dono de cartório.
Se o capeta fosse meu amigo.
Eu seria milionário.
Mas sou peão de rodeio.
E com mulher gasto todo o meu salário.

*O morena dos olhos verdes.
Que mora ai do outro lado.
Se eu não arranjá uma canoa.
Pra fazer amor contigo.
Eu atravesso o Rio a nado.

*Narrando perdi minha chave
Minha mulher desapareceu
O delegado daqui é corno
O macho daqui sou eu...

*Delegado escutou, me segurou e disse:
Repete se for homem
Ai eu repeti.
Achei a chave de casa
A minha mulher apareceu
O delegado daqui é macho.
O corno daqui sou eu...

*Da morena eu quero um beijo.
Da loira eu quero um abraço.
Pra casar com este peão.
Só ser for pegando no laço.

*Morena linda do cabelo comprido.
Por você eu passo chuva, eu passo sol.
Passo até por seu marido.
Para chegar debaixo do seu lençol.

*Cavalo pra ser forte tem que ser garanhão.
Touro pra ser valente derruba a gente no chão.
Rodeio pra ser bom tem que ser no Barretão.
Peão que não dá no couro....
A mulher foge com o Ricardão...

*Morena bonita me dá um beijo.
Num lugar que eu não tenho osso.
Quando eu ficar velho.
Lembrar o tempo que eu era moço.

*Não tenho pai não tenho mãe.
Mas vim no bico de uma cegonha.
Minha primeira mamadeira foi meio quilo de maconha.

*Carro bom é Santana.
Cerveja gostosa tem que ser brahma.
Mulher bonita tem que ser Goiana.

*Moça Loira bonita, do cabelo comprido.
O teu cheiro de é meu cheiro preferido.
Peão que é Valente derruba touro no Grito.
Tira chifre do touro e bota chifre no teu marido.

*O açude quando seca deixa lama no porão.
O fogo quando apaga deixa cinza no fogão.
O amor quando termina deixa um vazio no coração.

*Se mulher fosse dinheiro eu vivia pedindo esmola.
Se chovesse mulher eu jogava o telhado fora.
Mas a loira me deixou e a morena foi embora.
Nessa vida só me resta rodeio cachaça e viola.

*Quando acaba o rodeio tiro a roupa e o chapéu.
A muthatha que ficar comigo amanhece no motel.

*Fui narrar rodeio no estadão de Minas Gerais.
Por essas bandas prometo que não volto mais.
Lá chegando vejam só que confusão.
Entrei no bar e vi no meio do salão.
Uma loira e uma morena sentada em cima do balcão.

*Uma tomava água com álcool, a outra pinga com limão.
Uma era doida da cabeça a outra era sapatão.
Uma chamava Zeca, a outra chamava teca.
Dai a pouco a zeca falou pra teca.
Teca vamo bate coxa com coxa e relá xeca com xeca.

*Loira, se eu fosse cozinheiro.
Te dava um prato de sopa.
Mas sou cowboy de rodeio.
Vem cá que te dou um beijo na boca.

*O mulher não sei devo não sei posso.
Te levar pra cama e apertar seus ossos.
Pra fazer um filho e falar que é nosso.


 *Hoje recebi uma carta.
 Que acabou com meu tormento.
 Ela dizia que minha casa pegou fogo.
 E minha sogra estava dentro...

*Eu só bebo,
porque no fundo do copo eu vejo a foto da minha amada,
 sei se parar de beber ela vai morrer afogada.

*Banana não tem caroço,
 sapo não tem pescoço,
mulher bonita encontra aqui em Mato Grosso.

*Cuiabá tem subida,
 Cuiabá tem descida,
Cuiabá tem loira e morena da minha vida.

*Nasci no dia nove,
 nove vezes fui casado,
 tive nove sogro,
nove lar abandonado,
no dia nove encontrei nove cabouco armado,
 dei nove tiro pra cima,
fiz correr nove cunhado.

*A folha da bananeira,
de verde ficou madura,
quem namora com mulher casada,
não tem a vida segura a cada passo que dá é o caminho da sepultura.

*Não sei se devo,
não sei se posso,
te levar pra cama apertar seus osso,
 fazer um filho e falar que é nosso. 

*Se mulher fosse dinheiro eu vivia pedindo esmola.
A morena me deixou e a loira foi embora.
 O que me resta nessa vida é cachaça rodeio e viola.

*A semana tem 7 dias e eu tenho 14 namoradas.
 7 são solteiras e 7 são casadas 7 são pra de dia e 7 são pra de madrugada.

*Papagaio come cobra e cobra come lacraia o bicho que eu mais gosto é aquele que mora embaixo de sua saia.

*Há três coisas no mundo que o homem come de colher .
 Rapadura,melancia e perereca de mulher.

*Quem tem amor tem saudade,
quem não tem passa vontade.

*Hôôô morena do cabelo comprido,
maior que teu cabelo,
 só o chifre do teu marido.

*Mulher é mesmo uma coisa estranha,
 tem na ponta da língua o veneno da cobra piçanha,
deixa rico na miséria e o pobre sem vergonha.


*Perdi meu cavalo e minha mulher no mesmo dia,
do cavalo senti dó e da mulher senti alegria,
 porque cavalo bom não se encontrar todo dia,
mas mulher bonita e gostosa em Cuiabá tem arreveria.

*Hôôô morena,
 quando eu passo em frente da sua casa,
vejo sua calcinha na janela,
vendo ela sem você imagino você sem ela.

*Quando estou preso,
estou hospedado,
quando estou solto,
estou viajando,
nasci no lugar errado,
estou aqui por engano,
quando fico com a morena eu deixo a loira chorando.

*Quem tem loira tem Saudade
 Quem tem morena tem qualidade
 Quem tem as duas é o garanhão da cidade
 E quem não tem nenhuma olha a dos potros e passa vontade....

*No dia em que eu for bravo e pego pra educar
, boi bato na cabeça,
cavalo eu bato na pá,
 mulher bato no traseiro e homem aonde o pau pegar.

*Se mulher fosse dinheiro,
eu vivia pedindo esmola,
a loira me deixou a morena foi embora,
só me restou nessa vida: rodeio,
cachaça e a viola.

3 comentários:

bruna seconello disse...

muitoooo boom esses versos
gostei bastante tche tche tcheee!!!

PRINCESS PLACE disse...

Ao Morena do cabelo cacheado,maior que seu cabelo só o chifre do seu namorado..!!

fernanda pereira da veiga disse...

aoooooooww lasquera viu

Postar um comentário

"PODEM TAMBEM EXPRESSAR SEUS COMENTARIOS "